Resident Evil 3
O remake será lançado em 03 de abril para PS4, Xbox One e PC (Imagem: Reprodução)

A Capcom confirmou anteriormente que o remake de Resident Evil 3 não será um por um. Em outras palavras, a empresa fará alteração onde achar que elas precisam ser feitas.

Esta decisão foi tomada para trazer o game para a modernidade, e pegando como base o desempenho do remake de Resident Evil 2 em 2019, a Capcom está indo pelo caminho certo. Porém, a empresa está mudando e cortando mais coisas do que com a remasterização anterior.

A Capcom até então não havia realmente detalhado as mudanças, subtrações e adições que estava fazendo no clássico jogo de terror e sobrevivência, mas recentemente isso mudou.

Em uma matéria da PlayStation Magazine do Reino Unido, a desenvolvedora revelou uma grande quantidade de detalhes sobre o jogo, confira alguns:

  • Raccoon City não será explorável como um jogo em mundo aberto, mas haverá momentos em que os jogadores poderão explorar a cidade.
  • Nemesis possui uma IA nova e aprimorada, baseada na inteligência artificial desenvolvida para o Mr. X em Resident Evil 2 Remake. A Capcom também está criando Nemesis na vida real – de alguma forma – para que o personagem possa ser digitalizado via fotogrametria e parecer mais realista.
  • O som será muito importante, principalmente porque será a chave para os jogadores sobreviverem.
  • O modo Mercenário foi cortado do jogo.
  • Vermes mutantes estão de volta ao game.
  • Carlos será um personagem jogável.
  • Não haverá finais alternativos, como no mecanismo de escolha de ação original.

Resident Evil 3 Remake está programado para ser lançado em 03 de abril de 2020, para PlayStation 4, Xbox One e PC.