VKLiooon
Imagem: Blizzard

Com sua vitória por 3 a 0 contra o jogador americano Brian “bloodyface” Eason da Lazarus Esports na BlizzCon 2019, a chinesa Xiaomeng “VKLiooon” Li tornou-se a primeira mulher a ser coroada campeã global do Hearthstone.

VKLiooon já era a primeira mulher a se classificar para as finais globais do Hearthstone, tendo vencido os playoffs da primeira temporada do Gold Master Tianjin Master Group e tendo conquistado 10 vitórias em torneios antes da final. Ela ficou invicta durante todo o evento na Blizzcon antes de varrer a série decisiva.

O deck Malygos Druid de VKLiooon teve um bom desempenho contra o Quest Shaman de bloodyface no início, e seu Highlander Hunter derrotou seu Quest Druid no terceiro turno para fechar a vitória. Esse jogo foi particularmente fantástico. O gosto da região da Ásia-Pacífico por Highlander Hunter em jogos competitivos foi questionado por profissionais ocidentais.

Imagem: Blizzard

Embora não seja um nome familiar no Ocidente – VKLiooon não fazia parte do programa Grandmasters até agora – por trás desta vitória, podemos esperar muito mais dela no futuro. Claramente emocionada em sua entrevista após a partida, ela agradeceu aos fãs pelo apoio nos últimos dois dias.

Ela também contou uma piada sobre como, em um grande torneio há alguns anos, um jogador do sexo masculino disse que ela estava na fila errada porque “isso não é para você”. Por fim, perguntaram a ela o que significava ser a primeira mulher a ganhar o maior prêmio de Hearthstone: “Quero dizer para todas as garotas por aí que sonham em competições de e-sports, de glória, se você quiser e você acreditar em si mesma, deve esquecer seu sexo e seguir em frente.”