Pokémon Sword & Shield
Pokémon Sword & Shield: Imagem Divulgação

Nem todo vazamento no mundo dos games sai impune, e a empresa da vez a provar isso é a Nintendo. Após ter diversas informações vazadas na última semana sobre um de seus principais lançamentos deste ano para o Switch, se não o principal, a Nintendo já acionou a justiça contra os meios de comunicação que tenham compartilhado através das redes sociais ou em seus próprios sites detalhes do Pokémon Sword & Shield.

Entre os vazamentos, estão principalmente os novos monstrinhos da nova região de Galar, desde as suas primeiras formas, até mesmo suas evoluções e suas versões Gigantamax, novidade do novo jogo, que faz com que os Pokémon permaneçam gigantes por um certo período de tempo. O perfil “Pokemon Sword/Shield Leaks” postou a notificação emitida pela Nintendo.

A notificação é feita já pela Digital Millennium Copyright Act, conhecido como DMCA (em português, Lei dos Direitos Autorais do Milênio Digital). Até então, estas informações estavam sendo guardadas a sete chaves pela The Pokémon Company e GameFreak.

Assim, por se sentir violada, a Nintendo nesta madrugada de terça (5) decidiu entrar com um processo junto aos órgãos de justiça. A exigência é para que se remova todo o conteúdo publicado, alegando quebra de direitos autorais da companhia. Pokémon Sword e Shield serão exclusivos para o Nintendo Switch e será lançado no próximo dia 15 de novembro.