Google Stadia
Google Stadia funfando. Imagem: Divulgação

Conforme prometido, o Google se adiantou aos holofotes da E3 2019 e soltou informações agudas sobre o Stadia, seu serviço de jogos via streaming. As novidades foram feitas através de uma transmissão especial chamada Stadia Connect. Confira as novidades:

Requisitos

Onde vai rodar?

Inicialmente, o Google Stadia precisará de um Chromecast, um acessório do Google capaz de “transformar” qualquer televisão com uma entrada HDMI em uma Smart TV com as funcionalidades do Google. O assessório está disponível no Brasil, custando em média quase R$200.

Chromecast.  Imagem: Divulgação.
Chromecast. Imagem: Divulgação.

Por enquanto o aparelho acima é necessário, mas a promessa é de que no futuro, o serviço funcione em qualquer dispositivo Google que tenha o navegador Google Chrome instalado.

E a velocidade de internet?

Uma das principais dúvidas que certamente rondava a funcionalidade do serviço era quanto a velocidade necessária para se executar essa “Netflix dos Games”. E dado que os jogos seriam processados em nuvem, nada mais natural que perguntar “Isso aí roda na minha internet?” Eis a resposta:

Mínima

Com uma internet de 10 megas, será possível rodar os jogos do Stadia com resolução de 720p, taxas de 60fps e som stereo;

Padrão

Quem assinar uma internet de 20 megas pode jogar com resolução de 1080p, tecnologia HDR, taxas de 60fps e som surround 5.1;

TOP

Com 35 megas, é possível rodar a configuração do serviço no máximo, isto é, com 4K, HDR, 60fps e som surround 5.1.

stadia_requisitos_specs

O Google espera que as conexões tenham a competência de oferecer pelo menos 1mbps de upload pra poder rodar seus jogos no básico de 10Mbps.

Quando estreia?

O Google se limitou a fixar apenas o mês de novembro de 2019 como lançamento, sem contudo, cravar uma data.

Como funcionará no Brasil?

NÃO funcionará no Brasil no lançamento de novembro. Apenas um grupo de 14 países terá acesso ao serviço nesse período, confira quais são:

Bélgica, Itália, Finlândia, Holanda, Canadá, Dinamarca, França, Alemanha, Irlanda, Noruega, Espanha, Suécia, Reino Unido e EUA. Entretanto, o serviço promete ser estendido a mais países durante 2020.

Jogos

Inicialmente, 31 jogos chegarão junto com o lançamento do Stadia. Contudo, a promessa é obviamente aumentar a biblioteca o quanto antes. Confira os jogos:Dragon Ball Xenoverse 2

• DOOM Eternal

• DOOM 2016

• Rage 2

• The Elder Scrolls Online

• Wolfenstein: Youngblood

• Destiny 2

• Get Packed

• GRID

• Metro Exodus

• Thumper

• Farming Simulator 19

• Baldur’s Gate 3

• Power Rangers: Battle for the Grid

• Football Manager, Samurai Shodown

• Final Fantasy XV

• Tomb Raider Definitive Edition

• Rise of the Tomb Raider

• Shadow of the Tomb Raider

• NBA 2K

• Borderlands 3

• Gylt

• Mortal Kombat 11

• Darksiders Genesis

• Assassin’s Creed Odyssey

• Just Dance

• Tom Clancy’s Ghost Recon Breakpoint

• Tom Clancy’s The Division 2

• Trials RisingThe Crew 2

Preço

O acesso ao serviço terá um preço mensal. Confira os pacotes:

Edição de Fundador – Uma espécie de Starter Pack

  • Preço US$ 130
  • Controle na cor Light Blue
  • Chromecast Ultra
  • Três meses de Stadia Pro
  • Preferência para escolha de nome de usuário
  • Um passe de três meses do Stadia Pro para dar a um amigo

Pro – Só o serviço, você se vira pra arrumar um Chromecast e um joystick

  • Assinatura de US$ 10 por mês
  • Acesso a jogos com resolução até 4K, 60 quadros por segundo e efeito HDR, com som 5.1 Surround
  • Desconto na compra de jogos para o Stadia
  • Não inclui controle e Chromecast Ultra (vendidos separadamente)

Base – Básico do básico

  • De graça
  • Streaming de jogos com resolução até 1080p e 60 quadros por segundo
  • Jogue em qualquer navegador Chrome ou celular Pixel 3

Joystick

US$ 70 nas cores Preto, Branco e Wasabi (Verde)

Mais novidades devem vir na E3 e no próprio decorrer do ano.